Acabou a pandemia? Desejo de encontrar pessoalmente e olhar nos olhos cresce em apps de paquera